Hackear a educação “brincando”

Foto: Arthur Ferraz

O kit de educação estrutural tem aplicações para a área matemática, científica e tecnológica, com a parte de robótica livre, e, é isso o que encanta quem bota os olhos nele.
“O nosso publico alvo está em escolas publicas e particulares, mas as particulares só comprarão quando as publicas também fizerem isso, porque se sentirão atrasadas,“ conta Douglas Sullis da Costa, que representou a Atto Brinquedos no Senid.
O kit tem aplicação diária, ajudando crianças e adolescentes a colocar em prática o que aprendem “brincando” na escola com a ajuda dessa ferramenta. “Eu pretendo abrir uma escola, queria que isso aqui engrenasse e agora abriremos uma escolinha de robótica em Florianópolis. Tenho vontade de fazer uma escola diferente, que fosse paga, mas voltada para a classe C. Queremos um mundo melhor na área educacional.”

2 ideias sobre “Hackear a educação “brincando”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>